domingo, 16 de dezembro de 2007

Estes dias...

De onde vem essa busca? Essa necessidade de desvendar os mistérios da vida, quando as perguntas mais simples nunca podem ser respondidas: Por que estamos aqui? O que é a alma? Por que sonhamos? Talvez fosse melhor não procurarmos respostas, não nos envolvermos, não termos anseios. Mas a natureza humana não é assim. Nem o coração dos homens. Não é por isso que estamos aqui. Contudo, continuamos lutando para fazer a diferença, para mudar o mundo, para sonhar com a esperança. Sem saber com certeza quem encontraremos pelo caminho.
Quem num mundo de estranhos vai segurar a nossa mão? Vai tocar nossos corações? E partilhar o sofrimento de ter tentado?
Nós sonhamos com a esperança, com a mudança. Com fogo, amor, morte. E aí, acontece. Os sonhos se tornam realidade. E a resposta para essa busca e para a necessidade de desvendar os mistérios da vida finalmente se revela como a luz crescente de um novo amanhecer.
Tanta luta em busca de um significado, de um propósito e, no final, só o achamos entre nós. Em nossas experiências partilhadas entre o fantástico e o mundano. A simples necessidade humana de encontrar um semelhante, de estabelecer uma ligação e de saber em nossos corações que não estamos sozinhos.

Heroes, último episódio do volume I.

Um comentário:

disse...

Ainda não consegui assitir a primeira temporada inteira. Arrumei os dvd's, só que sem legenda, aí não dá, meu inglês não tão bom assim (na verdade é bem meia-boca...hehe).
Gostei do seu blog, achei pelo do Lucas. Vou colocar o link no meu.
Até.